Páginas

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Poesia - Contabilidade


Contabilidade


Um Fluxo de Caixa

Análise financeira

Um Fluxo de Amor?

Planejamento

De Entradas e Saídas

de emoções

Auxílio

a Antecipadas decisões

Verificação

de Amores disponíveis

Planejamento

de Envolvimentos

Avaliação antecipada

Compromissos

Estratégias

Ingressos de emoções

Saídas de tristezas

Saldos em sorrisos

Oportunidade

de troca de olhares

Reposição

de amores

Promoções

de carinhos

Objetivo:

Melhoria

do negócio afetivo

das emoções

das relações.

Resultado: Insolvência


Luiz Ramos©2008

Foto:ramosforest©


4 comentários:

Djabal disse...

Existem coisas que estão no ar, e nos apropriamos delas, por motivos completamente desconhecidos. Enquanto você fazia a sua contabilidade toda pessoal, o meu personagem (contabilista), fazia a sua escritura em um livro. Ao mesmo tempo, a diferença é que em nenhum dos casos restou a insolvência, restou sim uma poesia de ótima qualidade e sensibilidade. Um grande abraço, ao poeta e amigo.

Tere Tavares disse...

O saldo jamais é nulo quando se contabiliza palavras - personagens multi-faciais - a rondar balanços.
Abraço

Luma Rosa disse...

Táticas para administrar as relações sociais! Ah, não se pode misturar trabalho com lazer!! (rs*) Beijus,

Professora Aparecida disse...

Parabéns pelo blog! Vou voltar mais vezes, com certeza ! Posso usar seus textos em minhas aulas?

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin