Páginas

quinta-feira, 3 de abril de 2008

O Blog dinâmico

See NATURAL SHOT PHOTOS - My Sky Watch Friday now



Thinking about Web and Knowledge

_______________________________________________________

Reflexões sobre a Web e seus usuários após Seminário sobre Web, no Rio de Janeiro, em 2007.

Todos nós passaremos a competir com a qualidade e dinamismo desses merecidos ganhadores de Award quando os blogueiros em geral alcançarem a atenção e consideração dos responsáveis por essas áreas na mídia. Lutamos para chegar a esses prêmios e a essa consideração.

A Web Participativa veio para ficar. A produção de mídia não tem mais um dono, pois todos nós produzimos e consumimos conhecimento. Atualmente, considera-se que, no universo de usuários da Internet, os blogueiros ativos, que atuam como produtores de informação, correspondem a 20% do total, enquanto os restantes 80%, passivos, atuam como visitantes ou produtores eventuais de informação.

Neste contexto de inovação, a Web Participativa leva a questionamentos sobre como gerar qualidade, como quebrar a paralisia da comunicação e como acabar com o receptor passivo de informação.

A formação da Memória Coletiva, resultante do Processo Emergente (Bahlis) citado como o “caldo das células” ou dos enxames de abelhas (Henrique) põe em discussão, inclusive a figura da mediação, pois o próprio ambiente do blog se purifica e expele os maus usuários.

Para prosseguir no caminho da consolidação dos usuários como instrumento de produção e consumo de informações,pois somos produtores/consumidores (prosumers), precisamos nos conscientizar que o posicionamento e a presença de cada um é importante para alcançar a participação plena na Web do futuro.

Luiz Ramos

6 comentários:

ROSÁCEA disse...

LUiz

Eu já havia lido esse comentário na época do encontro WEb , mas hoje já estou lendo com outros olhos, pois virei definitivamente uma blogueira.
beijos

Enkil disse...

Hello !
I'm surprise with my sky friday! it was incredible... what is it?¿¿?

Marcos Santos disse...

Por isso, meu caro, que qualquer tipo de aprisionamento de expressão, mesmo que seja a colocação de um "palavrão", que no contexto pode ser utilizado sem ofensas, deve ser rechaçada. O GO peca terrivelmente nesse aspecto.
Enquanto nas novelas da mesma rede de empresas, o sexo e a sacanagem rolam soltos, no GO, não podemos escrever o nome da principal obra de Monteiro Lobato.

Madalena Barranco disse...

Luiz, a força do bem tem na internet uma forma de se expressar com eficácia, e sua crônica sobre o referido encontro é um a prova disso. Beijos.

Denise BC disse...

Sinceramente eu ainda não sei qual é o meu papel na web, por enquanto estou deixando o barco me levar.É um universo novo e muito grande, me assusta bastante.
bjs

Anny disse...

Oi Luiz:
Andei lendo seus posts mais antigos e heis que vejo esta Reflexões sobre a Web e seus usuários...
Gostei do post. Informativo e preciso. Valeu!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin